Carta da Presidente, mês de aniversário.

30 de abril de 2019 20:08

C

O Observatório Social do Brasil – Gravataí e Glorinha (OSBG) começou seu despertar em setembro de 2015 à partir do desejo de entidades locais e cidadãos de Gravataí e Glorinha de transformar o seu direito de indignação em ATITUDE. Após várias reuniões, muitas horas de trabalho, o apoio de quarenta voluntários e entidades civis organizadas, todos envolvidos diretamente com a causa, o dia 7 de abril de 2016 foi marcado pela sua efetiva fundação!

Os objetivos principais do OSBG é o de promover e conscientizar o cidadão a colaborar e melhorar o Controle da Gestão Pública Municipal através do exercício da Cidadania e Controle Fiscal, e ainda, propor ao governo municipal a boa e transparente gestão dos recursos públicos, advindos dos impostos recolhidos por toda a sociedade.

Ao olhar para o momento atual, temos a sensação de que pouco mudou, no entanto, é salutar lembrar que mudar velhas culturas há de se investir em tempo. Então, quando examinamos as ações realizadas ao longo deste triênio percebemos o quanto foi conquistado. Podemos considerar como contribuições do observatório o começo do despertar do cidadão a desenvolver a consciência de seus direitos e deveres e perceber que, se desejamos uma cidade cada vez melhor, cabe a ele também a responsabilidade de construí-la. Neste sentido, houve avanços, várias pessoas se engajaram e voluntariam na causa, como por exemplo, a comissão de voluntários que atua exclusivamente na análise de editais de compras públicas, a comissão que organiza o concurso de desenho e redação nas escolas públicas estaduais e municipais, que tem por objetivo desde cedo construir nos imaginários infantil e adolescentes, o pensamento positivo voltado para  zelar pelas coisas públicas que é patrimônio de todos e o grupo de voluntários que disseminam a semente da cidadania através de palestras realizadas nas escolas, faculdades e entidades da sociedade civil.

Os resultados também podem ser observados através do envolvimento e o apoio da sociedade em projeto aprovado na Câmara de Vereadores de Gravataí, que resultou em redução de 98,6% dos custos com diárias, o monitoramento durante 2 anos de 15 obras de escolas de educação inicial que, após lançamento do projeto Obra Transparente em 2017 em Gravataí, com a parceria da Transparência Brasil, ONU e FNDE, resultou que alguns dados informados pelo município ao SIMEC não conferem com as constatações feitas in loco, como sendo: 4 obras retomadas, 01 obra iniciada, 04 obras paralisadas, destas, 02 estão destruídas e sem previsão de reiniciar e 02 em fase de novo edital, 02 obras andando lentamente e 04 canceladas, que segundo MP, o município deverá se manifestar sobre cada uma delas, e se houver alguma com recebimento de verba e seja declarada cancelada, a verba pública deverá ser restituída ao FNDE e, a ampla mobilização da sociedade na coleta de assinaturas, com o apoio do Ministério Público, para regulamentar um Projeto de Lei de Iniciativa Popular Anticorrupção, resultando na implementação de um projeto próprio do município,  recentemente. Assim, abril de 2019 chegou revestido de muita honra e alegria para todos os conselheiros, mantenedores, apoiadores e voluntários desta jovem organização, pois, ao completar três anos de trabalho de forma abnegada, dentro de suas competências, com projetos e iniciativas para contribuir a contínua melhoria da gestão pública, sente que, ao longo de sua trajetória ela vem fortalecendo o sentimento de todos em atuar com ética, moralidade, transparência, isenção e impessoalidade, mesmo que ninguém esteja vendo. Cumprindo seu papel como agente transformador, através da educação e prática do controle social nos municípios de Gravataí e Glorinha.

Download Carta Presidente

ObservatórioSocial de Gravataí e Glorinha

Site Observatórios Sociais do Brasil


CEP:
Telefone:
E-mail: